TREINAMENTOS

 COMBATE

AO PRINCÍPIO

DE  INCÊNDIO

 

NR-23

 BRIGADA DE INCÊNDIO VOLUNTÁRIA

IN -28

CBMSC

 
nrcom-treinamentos-consultoria-1.png

COMBATE AO PRINCÍPIO DE INCÊNDIO  

NR 23

  • OBJETIVOS:

Atender à Norma Regulamentadora Vinte e Três (NR-23) do MTE que prevê a obrigatoriedade para todas as empresas em adotar medidas de prevenção e manter pessoas treinadas para prevenir e combater princípios de incêndios, visando garantir a segurança do local e preservação de vidas.

  • PÚBLICO-ALVO:

Todos os trabalhadores, técnicos em segurança do trabalho, cipeiros, acadêmicos e estudiosos da área de segurança e medicina do trabalho.  

 

  • CONTEÚDO:

- Introdução.

- Legislação pertinente.

- Teoria do fogo.

- Meios de propagação do fogo.

- Classificação do fogo.

- Equipamentos de combate ao fogo.

- Técnicas de combate ao fogo.

- Abandono de área.

- Técnicas de prevenção de incêndios.

- Reconhecimento, utilização de extintores de incêndios e hidrantes.

- Procedimentos para evacuação dos locais de trabalho com segurança.

 

  • CARGA HORÁRIA FORMAÇÃO:

A combinar.

 

  • PRÉ-REQUISITOS:
     

  • Pré-requisitos obrigatórios:

Não há.

 

  • Pré-requisitos recomendáveis:

Ter o ensino fundamental completo.

 

  • Idade mínima:

16 anos.


VALIDADE DO CURSO:

1 ano.

nrcom-treinamentos-consultoria-1.png

BRIGADA DE INCÊNDIO VOLUNTÁRIA  

IN 28 - CBMSC

OBJETIVOS:

Este curso tem como objetivo a instrução teórica e prática quanto à formação de brigada de incêndio, curso do básico ao avançado, capacitando os participantes para ação de prevenção de combate e princípios de incêndios, com base na NR-23, IN 28 (CBMSC) e NBR 14276.

 

PÚBLICO-ALVO:

Todos os trabalhadores, técnicos de Segurança do Trabalho, administradores, eletricistas, mecânicos, engenheiros, vigilantes, técnicos em enfermagem e público em geral. 

 

CONTEÚDO:
 

Aspectos legais. 
Teoria do fogo. 
Propagação do fogo. 
Classes de incêndio.
Prevenção de incêndio. 
Métodos de extinção. 
Agentes extintores. 
Equipamentos de Proteção Individual (EPI). 
Equipamentos de combate a incêndio 1. 
Equipamentos de detecção, alarme e comunicações. 
Abandono de área; pessoas com mobilidade reduzida. 
Riscos específicos da planta. 
Psicologias em emergências. 

 

PARTE TEÓRICA DE PRIMEIROS SOCORROS


Avaliação do cenário, mecanismo de lesão e número de vítimas. 
Vias aéreas. 
Ressuscitação cardiopulmonar (RCP). 

Desfibrilação semiautomática externa (DEA). 
Estado de choque. 
Hemorragias. 
Fraturas. 
Ferimentos. 
Queimaduras. 
Movimentação, remoção e transporte de vítimas. 

PARTE PRÁTICA DE COMBATE A INCÊNDIO
Reconhecer as classes de incêndio. 
Aplicar os métodos de extinção. 
Aplicar os agentes extintores. 
Utilizar os EPIs corretamente. 
Operar os equipamentos de combate a incêndio. 
Identificar as formas de acionamento e desativação dos equipamentos de detecção, alarme e comunicações.
 

PARTE PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS 
Avaliar e reconhecer os riscos iminentes, os mecanismos de lesão, o número de vítimas e o exame físico destas.
Conhecer os sinais e sintomas de obstruções respiratória em adultos, crianças e bebês conscientes e inconscientes, e promover a desobstrução. 
Praticar as técnicas de RCP.
Utilizar equipamentos semiautomáticos para desfibrilação externa precoce (se houver equipamento na planta). 
Aplicar as técnicas de prevenção e tratamento do estado de choque. 
Aplicar as técnicas de contenção de hemorragias. 
Aplicar as técnicas de imobilizações. 
Aplicar os cuidados específicos em ferimentos.
Aplicar as técnicas e procedimentos e socorros de queimaduras. 
Aplicar as técnicas de atendimento em emergências clínicas. 
Aplicar as técnicas de movimentação, remoção e transporte de vítima.

 

CARGA HORÁRIA FORMAÇÃO:

4, 8, 12, 16, 20 ou 40 horas


CARGA HORÁRIA RECICLAGEM:

a combinar.

PRÉ-REQUISITOS:


Pré-requisitos obrigatórios: Não há.


Pré-requisitos recomendáveis: Ter o ensino fundamental completo.


Idade mínima:

16 anos.


VALIDADE DO CURSO:

1 ano.